sábado, 25 de agosto de 2012

FÁBRICA DE VASSOURAS - um projeto de educação inclusiva. Parte 01

                Cada dia mais a  escola assume o seu papel social na transformação dos atores sociais em indivíduos conscientes de suas responsabilidades também no campo da sustentabilidade.
                     Uma boa opção para um trabalho extra currículo, mais que traz ótimos resultados no campo da formação global e profissional dos jovens em vulnerabilidade social de nossas comunidades é a fabrica de vassouras, com baixo custo de implantação e até adaptação artesanal de algumas ferramentas facilita a inserção dos jovens na aquisição de renda, e porque não dizer requalificação profissional.
                       Apresentamos aqui alguns passos na fabricação de vassouras ecologicamente corretas, com o reaproveitamento das garrafas tipo PET.

1º - TIPOS DE VASSOURAS

vassoura tipo doméstica



vassoura tipo gari









obs: existe diferenças no processo de fabricação de cada tipo de vassouras.

2º MAQUINAS NECESSÁRIAS:


MÁQUINA DE CORTE DO FUNDO DA GARRAFA PET
MAQUINA CASEIRA PARA DESFIAR A GARRAFA PET.
BOBINA PARA ENROLAR OS FIOS DESFIADOS DA GARRAFA PET

GRELHA PARA ENROLAR OS FIOS QUE IRÃO PARA O AQUECIMENTO.

PRENSA PARA A VASSOURA TIPO GARI

GUILHOTINA PARA ALINHAR OS FIOS DA VASSOURA

FURADEIRA DE BANCADA PARA FURAR AS MADEIRAS
DA VASSOURA TIPO GARI


Ainda será necessário algumas ferramentas e acessórios ( martelos, chaves de boca, chaves de fenda, arco e serras , luvas, pregos ) que serão listados no processo de fabricação.


3 º MAIS DETALHES DAS MÁQUINAS...

MAQUINA DE CORTA O FUNDO DA GARRAFA

Com estrutura simples a maquina de cortar o fundo da garrafa traz uma parte onde é enroscado o gargalo ( à esquerda ) para fixação da garrafa essa parte traz firmeza no corte mais torna o processo mais demorado. o que numa diminuição na produção das peças.

A base curvilínea é simplesmente para apoio da garrafa.

Essa parte (à direita) roda e proporciona o corte com a pequena lâmina de estilete ao centro em sentido horário, rodando a manivela.

Logo abaixo esta o parafuso que prende a Lâmina.

PRENSA TIPO PINO

Essa prensa funciona por pressão manual (pé) utilizando um processo de alavancas. A pressão será dada de acordo com a força em pisar a base.

A esquerda nota-se braços com um cilindro ao centro funcionando como guia do eixo principal, que segura o pino.







BOBINA CARRETEL

A função da bobina carritel é enrolar os fios desfiados das garrafas organizando para depois serem enrolados nas grelhas.
Numa produção de vassouras serão necessários várias  bobinas cheias, caso não exista pessoal disponibilizado o melhor é desfiar e encher várias bobinas antes de passar para os próximos passos.a manivela à esquerda facilita o enrolar.


GRELHA

A grelha tem a função de organizar os fios no tamanho da vassoura que será fabricada.    Essa grelha da foto é regulável com parafusos de regulagem em cada lado na parte inferior.

uma grelha de tamanho 35 cm ( aproximadamente ) para a vassoura tipo gari e uma grelha de tamanho 50 cm ( aproximadamente ) para a vassoura tipo doméstica.

a grelha é que levará os fios para termo encolhimento no forno ( de fogão ou industrial ) à uma temperatura aproximada de 200 graus durante aproximadamente 15 minutos.    o termo encolhimento dos  fios também pode ser feito com soprador térmico ( usado em serigrafias ).

a base de fixação ( parte verde ) é regulável com manivela, que por sinal essa manivela é basicamente a mesma para vários tipos de maquinas.  levando em consideração que o trabalho vai ser manual.   Para uma produção maior é necessários acoplar motores tipo de maquinas de costura para a movimentação das peças seja elas a bobina, a grelha, o desfiadeira, etc.


OUTRO MODELO DE DESFIADEIRA.

Bem artesanal mas que funciona perfeitamente.  Neste caso a espessura dos fios cortados obedece a espessura da rosca do parafuso ( varão ).

A lâmina é de estilete convencional.
O varão rosqueado é de 1/2 .
com porcas e arruelas.
Por  dentro da  tampa existe outra porca para fixar a garrafa no varão.
A tampa é furada para passar o varão.
existe nesta desfiadeira também um inconveniente: a demora em retirar a garrafa já desfiada, desenroscar a tampa, colocar outra garrafa e enroscar a porca com a arruela.   o que alonga o tempo de desfiação.  Outro problema esta na volta do parafuso ( desenroscar por completo até a medida do tamanho da garrafa ) que pode ser solucionado colocando outra base com estilete do outro lado da bancada.  assim enquanto desfia uma garrafa de um lado já desenrosca o outro lado.



CONTINUA NA PRÓXIMA POSTAGEM...
DEIXE SUA PERGUNTA OU SEU COMENTÁRIO. 

8 comentários:

  1. Parabenizo, pelo compartilhamento do conhecimento, convido-o a visitar nosso site e conhecer nosso trabalho, inclusive com uma fábrica de vassouras de fios de PET.
    Site: www.empreendercomunidade.com.br
    OBS: Melhor visualizado no Google Chrome.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado! por seu comentário. Parabéns pelo trabalho social realizado em Garanhuns. Ótimo site e blog. A idéia da fábrica de sabão também é muito interessante.

      Excluir
  2. meu caro amigo gostaria que assim que possivel vc desse uma olhada no blog. www.metamorfosex1.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Qual o telefone de contato para compra dos equipamentos? Meu email é: esantosenator@gmail.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amigo, essa postagem tem o objetivo só de informar os tipos de máquinas e os procedimentos na fabricação de vassouras, NÂO VENDEMOS NADA,... mas sugerimos que acesse o site do comentário acima que eles trabalham com venda de máquinas.

      Excluir
  4. Muito boas, suas informações!
    Foram-me muito úteis.
    Obrigrada!
    Irenilda Pedroza

    ResponderExcluir
  5. olá gostaria de saber valore das maquinas ou parcelas

    ResponderExcluir
  6. olá gostaria de saber valore das maquinas ou parcelas

    ResponderExcluir

NÃO SAIA SEM DEIXAR SUA OPINIÃO...

ESSE VÍDEO É DEMAIS

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...